Skip to content

Morapiaf uma editora portuguesa… com certeza!

2008/08/27
by

As férias já passaram e o JogoEu (JE) pretende arrancar o ano renovando os votos de dar voz à promoção dos jogos! Nesse sentido desenvolvemos contactos com os responsáveis pela editora nacional Morapiaf para sabermos mais do que se vai fazendo por ali e também conhecer melhor os projectos de futuro desta modesta empresa nacional!

A simpatia e disponibilidade do gerente da Morapiaf foi enorme. A equipa do JE começa por agradecer toda essa receptividade em relação às nossas demandas. As respostas foram dadas sem hesitações e de espírito aberto.

Perguntámos sobre a génese da Morapiaf e ficámos a saber que esta empresa, sedeada em Lisboa, começou com a vontade de três amigos em comercializar um jogo que lhes era muito especial – Lobo. Do sonho à realidade foram dois passos e aí estava a versão ibérica de Lobo (PT/ES), já na sua 3ª edição e marcada desde o início pelo êxito nas vendas, quer em Portugal quer em Espanha. Aliás, a Morapiaf é uma empresa criada com uma visão Ibérica, não só portuguesa, o que nos parece muito inteligente. Conta já com mais de 150 pontos de venda em toda a Península! Estes números deixaram-nos verdadeiramente admirados.


Com o sucesso do primeiro jogo vieram os passos seguintes – Os Lobisomens d’Aldeia Velha e Time’s Up! A Morapiaf continua a trabalhar e anunciou-nos em primeira mão que já em Setembro conta lançar mais dois jogos – GiftTRAP e TASSO!


Resumidamente a Morapiaf edita e distribui no mercado ibérico jogos de tabuleiro originais, destinados essencialmente a um público familiar e que já tenham provas dadas no mercado internacional. Este último ponto é fundamental porque, entre tantas novidades que surgem no mercado internacional, é importante ter um critério objectivo que ajude a decidir e a ter um fio condutor na política editorial de qualquer empresa deste ramo.
Parece-nos evidente também que o lado emocional continua a ter um peso muito importante nas escolhas desta editora… Como nos dizia o gerente da Morapiaf: “…seríamos incapazes de editar um jogo de que não gostamos.”

Perguntámos ainda qual a logística associada à produção de um jogo “Morapiaf”. Disseram-nos que a logística é razoavelmente complexa, mas a experiência e as novas tecnologias acabam por facilitar bastante. Resumidamente há alguns passos por trás da edição de um jogo que são: selecção e avaliação do mercado potencial, negociação dos direitos, tradução e adaptação, produção, lançamento e distribuição. Segundo o responsável da Morapiaf as primeiras fases são as mais fáceis de executar (pensar no jogo que se vai editar a seguir, imaginar a caixa em português, etc.). No entanto, as duas últimas fases são essenciais: num mercado com cada vez maior número de novidades, obriga a uma boa argumentação na hora de explicar aos lojistas porque faz sentido ter nas suas prateleiras um jogo de que ainda não ouviram falar.


Houve ainda tempo para saber que há novidades pensadas para 2009, mas que a seu tempo se conhecerão, e que a Morapiaf estará atenta para aparecer nos eventos nacionais de Boardgames, sobretudo naqueles que se dirijam a um público mais familiar. A linha editorial da Morapiaf continuará a seguir um rumo mais direccionado para jogos familiares e por isso os adeptos de jogos mais complexos e “duros” terão de se contentar com uma janela aberta a esses jogos, só que, num futuro ainda incerto.


Foi um prazer falar em português com um editor de jogos! Quem diria… estamos a crescer e a Morapiaf é uma concretização do crescimento do gosto pelo hobbie em Portugal. Continuem o bom trabalho que nós cá estaremos, com todo o gosto, a anunciar as novidades!!! Venham elas…

Saudações lúdicos…

Anúncios
4 comentários leave one →
  1. Jorge Teixeira permalink
    2008/08/27 18:27

    Parabéns Carlos por este artigo!
    Continuas a ser o elo mais forte, sempre à procura de novos conteúdos para o nosso estimado público.
    Continua…
    Abraços!

  2. Carlos Abrunhosa permalink
    2008/08/28 18:50

    Obrigado, mas preferia que me agradecessem com artigos… para não ser só eu a escrever!

  3. Sandra permalink
    2009/01/29 01:21

    Gostaria de saber se sabem o que aconteceu á Morapiaf, já que os links estão inactivos? Falaram-me hoje no Lobo e gostava de contactá-los… Trabalho numa livraria e gostava de ter alguns jogos de tabuleiro, mas não conheço distribuidores, podem ajudar-me?

  4. Carlos Abrunhosa permalink
    2009/01/29 08:12

    Bom dia!

    Os links continuam activos aqui no nosso blog!

    Caso pretenda um contacto mais personalizado com a Morapiaf pode enviar-me um mail que lhe darei mais indicações.

    beatriz.abrunhosa@gmail.com

    Cumprimentos,
    Carlos Abrunhosa

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: